EPL – Liverpool 2×2 Tottenham

O Tottenham encarou o Liverpool, neste domingo (04/02), pela 26ª rodada da Premier League, e saiu com um empate por 2 a 2 após partida memorável em Anfield. Mohammed Salah marcou os dois gols dos Reds, Victor Wanyama e Harry Kane anotaram para o Tottenham. O empate mantém os Spurs em quinto lugar na Premier League, com 49 pontos ganhos e 2 a menos que o Liverpool, que ocupa o terceiro posto. O Chelsea, com 50 pontos, está entre os adversários na tabela e joga nesta segunda-feira encerrando a rodada. O líder isolado é o Manchester City, com 69.

Mauricio Pochettino tinha praticamente todo o elenco a disposição. Apenas Alderweireld e Danny Rose ficaram de fora por questão física, além do recém-contratado Lucas Moura, que mal treinou com os novos companheiros. Sendo assim, o treinador escalou os Spurs com Lloris; Trippier, Sanchez, Vertonghen, Davies; Dier, Dembele, Eriksen, Dele, Son; Kane. Já o Liverpool foi alinhado por Jurgen Klopp com Karius; Alexander-Arnold, Van Dijk, Lovren, Robertson; Henderson, Can, Milner; Salah, Mané, Firmino.

A partida começou da pior forma possível para os Spurs, graças a uma falha clamorosa de Dier. Logo aos 2′, o volante tentou recuar e fez um passe fraquinho pra trás, entre os zagueiros Sanchez e Vertonghen e também longe do campo de ação do goleiro Lloris. A bola se ofereceu para Salah que dominou e finalizou no canto, abrindo o marcador. O jogo era muito pegado, mas os dois times conseguiam levar perigo aos oponentes, ainda que as finalizações não fossem precisas. O Tottenham foi gradativamente assumindo a posse de bola, mas não conseguia furar a marcação.

Na etapa complementar, o Liverpool foi se resumindo a um trabalho defensivo, enquanto os Spurs giravam a bola em busca de espaço. Klopp foi o primeiro a mexer, Com Wijnaldum e Ox Chamberlain substituindo Henderson e Mané. Pochettino ousou mais que o normal, tirando o zagueiro Sanchez (que não teve boa atuação) e colocando Lamela, dando mais criatividade ao meio. O treinador dos Reds respondeu com o zagueiro Matip na vaga de Milner. E um esgotado Dembele deu lugar a Wanyama. Surpreendentemente, foi dos pés do queniano que saiu o empate. Após boa jogada pela esquerda, o goleiro Karius cortou o cruzamento para fora da área. Mas Wanyama acertou um chute absurdo e a bola entrou no ângulo, fazendo um 1 a 1 apoteótico.

Mal distribuído em campo, com muitos zagueiros, o Liverpool seguiu na defesa e o Tottenham parecia pronto para a virada. Aos 85′, Lovren errou feio na tentativa de cortar a bola, que sobrou para Harry Kane. O artilheiro driblou Karius e foi derrubado. Pênalti. A cobrança foi no meio do gol, mas o goleiro Karius não saiu antes e fez a defesa com facilidade. O balde de água fria desconcentrou o Tottenham e o Liverpool chegou ao segundo gol em lance de puro talento de Salah. O egípcio dominou a bola pela direita, passou por Dele, Davies e Vertonghen e finalizou de bico na saída de Lloris, marcando um golaço.

O 2 a 1 marcado já aos 91′ parecia ter resolvido o jogo, mas os Spurs não desistiram. Pochettino trocou Son por Llorente como uma medida desesperada e surpreendentemente funcionou. Bola lançada na área, Llorente ganha pelo alto e a bola pinga na área. Van Dijk na tentativa de afastar a bola chuta a coxa de Lamela e os pedidos de pênalti foram óbvios. O árbitro Jonathan Moss não assinalaria, mas o auxiliar fez muito bem o seu papel e indicou a marca da cal. Já aos 95′, Harry Kane enfrenta de novo o goleiro Karius, mas desta vez cobra com precisão no canto direito, enquanto o goleiro alemão saltou para o lado oposto. Fim de jogo e um 2 a 2 memorável. O Tottenham volta a campo na próxima quarta-feira (07) para enfrentar o Newport, pelo replay da Copa da Inglaterra.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)