FA Cup – Newport County 1×1 Tottenham

O Tottenham visitou o Newport County neste sábado (27/01) pela 4ª fase da Copa da Inglaterra, esteve muito perto de uma eliminação vexatória, mas acabou saindo com um empate por 1 a 1. Amond abriu o placar para o Newport e Harry Kane empatou para o Tottenham no segundo tempo, num estádio Rodney Parade absolutamente lotado,. Com o placar as equipes farão mais um jogo desempate, o chamado replay, no dia 7 de fevereiro, para decidir quem segue adiante na competição.

Maurício Pochettino optou por poupar diversos titulares para o jogo, escalando uma equipe alternativa devido ao calendário conturbado. Os próximos quatro jogos dos Spurs são, na sequência, Manchester United, Liverpool, Arsenal e Juventus. Sendo assim, o argentino alinhou seu time com Vorm; Foyth, Dier, Vertonghen; Trippier, Wanyama, Dembele, Sissoko, Walker-Peters; Kane, Llorente. Já o time da casa foi alinhado por Michael Flynn com Day; Pipe, White, Demetriou, Butler; Labadie, Tozer, Bennett, Willmott, Nouble; Amond.

Ao contrário do que é feito normalmente, o Tottenham não assumiu as rédeas do jogo buscando controlar a posse. Sem jogadores criativos no meio, o time parecia extremamente desligado da partida e desinteressado. Tanto que o Newport que se aproximava do gol em lances isolados. Os laterais longos direto para a área pareciam ser uma das maiores armas do time da casa, sempre com os arremessos de Tozer. Aos 22′, Willmott deu trabalho para Vorm. Já aos 30′ o Tottenham chegou bem, mas a tentativa de Harry Kane bateu na trave após ser desviada. E aos 37′ o Newport abriu o placar quando Willmott cruzou e Amond aproveitou bem de cabeça, mandando no cantinho de Vorm. Trippier subiu muito mal no lance, errando o tempo de bola. Logo na sequência, Amond quase marcou novamente, tendo sua finalização defendida por Vorm para escanteio.

Na volta do intervalo, Pochettino providenciou uma mexida com a entrada de Son na vaga de Walker-Peters. Com isso, o time passou a jogar num 4-4-2, com Vertonghen fazendo o papel de lateral esquerdo. O time adotou uma postura mais agressiva e mostrava querer mudar a história do jogo. Aos 57′, Trippier fez bom cruzamento e Harry Kane perdeu boa chance, cabeceando por cima. Apesar da pressão, o Tottenham não criava boas condições para finalizar e aos 66′, Pochettino fez a segunda mexida, trocando Llorente por Dele Alli. Muito marcado, Kane tentava muito, mas raramente conseguia espaço para finalizar. E o resto do time pouco fazia.

Pochettino lançou mão da última mexida, com Ben Davies na vaga de Dembele. E mais na sorte do que no juízo o Tottenham conseguiu o empate. Cobrança de escanteio, Heung-Min Son desvia de forma acrobática, com o calcanhar, no primeiro pau e Harry Kane completa para as redes de pé direito, sozinho na segunda trave. A partir daí o time pressionou pela virada e teve até chances para isso, com Kane e Dele, mas a defesa do Newport se dedicou muito e conseguiu travar as investidas. Com isso, o pequeno time da quarta divisão terá a oportunidade de visitar Wembley no replay no dia 7 de fevereiro. O Tottenham volta a campo na próxima quarta-feira, para encarar o Manchester United, no Estádio de Wembley.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)