Com lesão muscular no posterior da coxa, Alderweireld não deve jogar mais em 2017

O que parecia uma lesão simples e de rápida recuperação, acabou tornando-se um verdadeiro pesadelo para o Tottenham: com um estiramento no músculo posterior da coxa direita, o zagueiro Toby Alderweireld ficará longe dos gramados por pelo menos mais quatro semanas, e dificilmente voltará a jogar neste ano de 2017.

A contusão do belga ocorreu durante a vitória do Tottenham sobre o Real Madrid, por 3 a 1, no último dia 1º de Novembro, em partida válida pela Liga dos Campeões da Europa. Em um ataque da equipe londrina pelo flanco direito, Alderweireld tentou arrancar contra um defensor do Real Madrid, e logo, sentiu uma fisgada no local da lesão. Por conta disso, ele teve que ser substituído com apenas 24 minutos do primeiro tempo do confronto, dando lugar ao meia francês, Moussa Sissoko (Eric Dier, que iniciou a partida como meia-central, foi recuado para a defesa, e Sissoko, assim, ocupou o espaço em que se encontrava o versátil jogador inglês).

Mesmo tendo sido substituído precocemente, Alderweireld não dava indícios de que ficaria muito tempo longe dos gramados. O zagueiro foi atendido por um dos médicos do clube ainda no gramado de Wembley, e, passados alguns minutos desta avaliação, saiu de campo caminhando normalmente. Após a partida, Pochettino mostrava-se confiante quanto à recuperação do atleta, e que o corpo médico dos Spurs havia sugerido que o jogador se ausentaria por três ou quatro semanas.

No entanto, durante a preparação do Tottenham para o empate contra o West Brom, por 1 a 1, no último sábado, 25 de novembro, reavaliou-se a situação do jogador e fora diagnosticada uma regressão na recuperação do músculo de Alderweireld. Desta forma, o departamento de fisioterapia do clube londrino resolveu mudar os métodos de recuperação utilizados no belga, aumentando em mais quatro semanas a previsão de retorno do atleta ao campo.

“Toby (Alderweireld) está lesionado e precisamos reavaliá-lo. Esperamos que ele se ausente da equipe por bem mais tempo do que imaginávamos anteriormente. Talvez ele esteja de volta após o Natal. Esta é a expectativa.”, disse Pochettino sobre a expectativa de retorno de seu zagueiro titular. “Ele está trabalhando duro, no primeiro estágio de sua reabilitação. Com este tipo de lesão, nós sempre temos que ser cautelosos. Precisamos esperar sua completa recuperação.”

O Tottenham terá dois compromissos pelo Campeonato Inglês após o Natal, ambos em casa, no estádio de Wembley: no dia 26 de Dezembro, os Spurs recebem o Southampton e no dia 30, o enfrentamento será contra o rival West Ham. Além disso, o Tottenham visita o Swansea, no País de Gales, no primeiro dia do ano. Um calendário cheio e apertado para os lillywhites no final de 2017, que necessitará do máximo de jogadores possível para conseguir melhores resultados no período.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Fábio Malet

Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e analista de sistemas. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby, e, pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha o Tottenham desde o começo da temporada 2002-03, por causa de Robbie Keane, do qual tornou-se fã pelo seu desempenho na Copa do Mundo 2002. No Brasil, torce para o Grêmio desde suas primeiras palavras.