EPL – Tottenham 4×1 Liverpool

O Tottenham recebeu o Liverpool neste domingo (22) pela 9ª rodada da Premier League e conquistou uma vitória espetacular pelo placar de 4 a 1 em Wembley. Harry Kane (duas vezes), Heung-Min Son e Dele Alli marcaram para o Tottenham, Mohammed Salah descontou. Com o resultado, os Spurs segue em terceiro lugar na Premier League, com 20 pontos, empatado com o vice-líder Manchester United (leva vantagem no saldo de gols) e cinco a menos que o líder Manchester City. Com 13 pontos, o Liverpool caiu para a nona posição na tabela.

Sem poder contar com Wanyama, Dembele e Lamela, Mauricio Pochettino optou por algumas mudanças na equipe titular, colocando um time mais ofensivo, sem nenhum volante e recuando Eriksen para a linha de meio-campo. Além disso, improvisou Aurier na ala esquerda, enquanto Danny Rose, que recupera o condicionamento após longa parada por lesão, ficou no banco. Sendo assim, o time da casa foi a campo com Lloris; Alderweireld, Sanchez, Vertonghen; Trippier, Winks, Eriksen, Aurier; Dele, Son, Kane. Já o Liverpool foi alinhado por Jurgen Klopp com Mignolet; Gomez, Matip, Lovren, Moreno; Henderson, Can, Milner; Salah, Coutinho, Firmino.

A partida começou da melhor forma possível para o Tottenham. Logo aos 4′, Trippier lançou Kane por cima da defesa dos Reds, Lovren demorou a reagir e Mignolet saiu desesperado do gol. Kane driblou o goleiro belga com um toque para o lado esquerdo e tocou para o gol de canhota, abrindo o marcador. Não tardou para sair o segundo e aos 12′ os Spurs já dobravam a vantagem. Lloris recolheu e lançou rápido para Kane. Lovren errou o tempo de bola e a bola passou para o centroavante livre. Kane viu bem a entrada de Son pelo meio e cruzou para o sul-coreano completar de primeira, vencendo Mignolet.

Aos 16′, o Tottenham chegou de novo com Son, mas desta vez a finalização do camisa 7 explodiu no travessão. O Liverpool descontou aos 24′, quando Henderson lançou Salah em profundidade, o egípcio ganhou na corrida de Vertonghen e finalizou de pé direito. O chute saiu torto, mascado, mas tocou no pé da trave e entrou, fora do alcance de Lloris. O Tottenham se recuperou do golpe e teve oportunidade aos 30′, quando Son saiu na cara de Mignolet mas o goleiro belga defendeu. Os Reds ameaçavam o empate, com mais posse de bola e rondando a área. Mas os Spurs marcaram, já nos acréscimos. Eriksen cobrou falta na área, Matip cortou para a meia-lua e Dele Alli veio livre, batendo de primeira e acertando o cantinho, 3 a 1.

Na etapa complementar, o Liverpool tentava pressionar em busca do resultado mas não conseguia ser efetivo. E aos 56′, quem voltou as redes foi o Tottenham. Cruzamento na área, Mignolet sai mal do gol e joga a bola em cima de Vertonghen. O zagueiro domina e finaliza, para Firmino salvar em cima da linha. Mas o rebote se oferece para Harry Kane que não perdoa e faz o 4 a 1. Os Reds não desiste e o Tottenham tem dificuldades para ligar contra-ataques, mas aí começa o show de Lloris. Aos 67′, 72′ e 73′ ele aparece fazendo boas defesas em finalizações de Coutinho e Milner, uma delas espetacular, buscando o chute do brasileiro no ângulo, de mão trocada. A bola ainda tocou na trave e o arqueiro francês recolheu.

Aos 77′, Lloris voltou a aparecer bem, defendendo com o pé a finalização de Salah. Sissoko, Dier e Llorente entraram na fase final da partida, nas vagas de Son, Eriksen e Kane (que saiu se queixando de dores na parte posterior da coxa esquerda). Mas o placar ficou nisso, em dia de recorde de público, com mais de 80 mil pessoas acompanhando os Spurs pelo campeonato. O Tottenham volta a campo na próxima quarta-feira (25), para encarar o West Ham pela Carabao Cup, a boa e velha Copa da Liga. Pelo campeonato, o próximo duelo é frente ao Manchester United, em Old Trafford, no sábado.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)