EPL – Swansea 1×3 Tottenham

O Tottenham dificilmente será campeão inglês. Mas, sem dúvidas, já se garante como uma das melhores histórias dessa Premier League. Jogando no Liberty Stadium, no País de Gales, os Spurs encararam o Swansea e perdiam até os 88 minutos de jogo, graças a um tento de Wayne Routledge, fazendo valer a lei do ex. Mas restando 2 minutos para o fim do tempo regulamentar, Dele Alli empatou. Aos 91, veio a virada com Heung-Min Son. E aos 94′, Christian Eriksen consumou uma virada épica. Com o triunfo, o Tottenham chegou a 65 pontos no campeonato, seguindo na segunda posição com 7 a menos que o líder Chelsea.

As más notícias pareciam se empilhar. Além dos desfalques já sabidos de Rose, Kane e Lamel, o Tottenham sofreu mais duas baixas na semana, sem poder contar com Wanyama, por dores na lombar e Harry Winks, que lesionou o tornozelo e não joga mais na temporada. O capitão Hugo Lloris também ficou de fora. Sendo assim, Pochettino alinhou os Spurs com Vorm; Walker, Alderweireld, Vertonghen, Davies; Dier, Dembele, Sissoko, Eriksen, Alli; Son. O Swansea foi mandado a campo por Paul Clement com Fabianski; Naughton, Fernandez, Mawson, Olsson; Cork, Fer, Carroll; Routledge, Sigurdsson, Ayew.

O Tottenham não fez uma partida brilhante, é importante ressaltar. Mas teve o controle da bola em praticamente todo o jogo. Os 72% de posse mostram isso claramente. O Swansea finalizou 4 vezes na partida, apenas 1 na direção do gol. E nessa única, balançou as redes de Vorm. Depois do chutão, Ayew ganhou de Davies, levou para o fundo e cruzou para Routledge completar. O goleiro Fabianski do time da casa, ex-atleta do Arsenal (goleiro da eterna goleada que aplicamos por 5 a 1 no North London Derby de 2008) foi um dos protagonistas, com várias defesas difíceis, tentando parar seu antigo inimigo.

Mas de tanto tentar, uma hora a porteira abriu. E foi já no fim do jogo, quando Eriksen bateu para a área, a bola desviou na zaga e se ofereceu para Dele empurrar para as redes com o pé esquerdo. Sem tirar o pé, a virada foi conquistada após bela assistência do atacante Janssen, que fez pivô perfeito para o sul coreano chegar finalizando na saída do goleiro. E o último prego no caixão foi colocado por Eriksen, após excelente assistência de Dele Alli, que o dinamarquês arrematou com muita categoria. O Tottenham volta a campo no sábado, para encarar o Watford em White Hart Lane.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)