FA Cup – Tottenham 6×0 Millwall

O Tottenham recebeu o Millwall neste domingo (12) pelas quartas de final da Copa da Inglaterra e conquistou uma bela goleada por 6 a 0, carimbando o passaporte para as semifinais. Eriksen, Son (3), Dele e Janssen foram às redes para os Spurs, que realizaram a última partida de sua história na FA Cup em White Hart Lane, visto que as semifinais e a decisão do torneio são disputadas em Wembley. Fica agora a certeza de um grande adversário pela frente. Manchester City e Arsenal são os outros dois classificados, e nesta segunda sai o quarto postulante ao título, do duelo entre Chelsea e Manchester United.

Optando por poupar alguns titulares, Maurício Pochettino alinhou os Spurs com Vorm; Dier, Alderweireld, Vertonghen; Trippier, Wanyama, Winks, Davies; Dele, Son, Kane. Lloris, Dembele e Eriksen foram os poupados inicialmente. Já o Millwall, buscando o notável feito de eliminar quatro clubes da Premier League na campanha (já havia superado Leicester, Bournemouth e Watford), foi a campo com King; Cummings, Webster, Cooper, Craig; Thompson, Williams, Wallace, O’Brien; Gregory, Morison.

A bola rolou e o Tottenham foi pra cima com uma volúpia impressionante. Atacando pelos dois lados, o goleiro King teve muito trabalho. No meio da pressão, uma péssima notícia. Aos 7′, Kane chuta cruzado e o defensor adversário cai em cima do seu pé. O atacante torce o tornozelo e deixa o gramado, sendo substituído por Eriksen aos 10′. A pressão arrefece um pouco e o Millwall até tenta se criar no jogo. Mas aos 30′ o placar é aberto. A defesa corta mal o cruzamento, Dele domina no peito e Eriksen chega batendo cruzado, acertando uma raquetada na bola que entra no canto direito de King.

Heung-Min Son buscava muito o jogo, mas errava vários domínios de bola e a desperdiçava com muita frequência, parecia nervoso. Aos 40′, o time liga bom contra-ataque com Eriksen, Alli e Dier. A bola chega em Son, que perde o controle da pelota. Mas o coreano se redime da melhor forma, ao dominar na entrada da área, puxar para o pé esquerdo e acertar um lindo chute, que entra no ângulo direito do goleiro King, dobrando a vantagem dos Spurs e trazendo tranquilidade ao time. Na volta do intervalo, nenhuma mexida, mas o Tottenham parecia claramente mais solto em campo.

Aos 54′, Trippier faz lindo lançamento do meio-campo em direção a área, nas costas da defesa. Son ajusta o corpo e acerta de primeira, num sem-pulo que vence o goleiro adversário e estabelece o 3 a 0 no marcador. O Millwall se rendeu à superioridade dos Spurs e não incomodou mais, tentando apenas evitar um placar mais elástico. Mas aos 72′, veio o quarto gol. Eriksen invadiu a área pela direita e deu uma assistência espetacular para Dele, que apenas completou para o gol vazio sacramentando a goleada.

Aos 80′, Son recebeu pela esquerda, invadiu a área e deu na medida para Janssen finalizar com perfeição no canto, fazendo o quinto. Foi o primeiro gol do holandês com bola rolando pelo clube, visto que os 4 anteriores foram de pênalti. E para fechar com chave de ouro, Son completou seu hat-trick. Aos 92′, Sissoko fez bela arrancada pelo meio, passou por 3 e abriu em Eriksen na esquerda. O dinamarquês cruzou bonito para Son, que pegou de primeira, com a canhota. A bola foi fraca e no meio do gol, mas o goleiro King engoliu um frango clássico, por entre as pernas, para ficar imortalizado na história e dar números finais: 6 a 0.

Com a bela goleada de 6 – que poderia ter sido mais – os Spurs encerram sua belíssima história em White Hart Lane na Copa da Inglaterra. Antes de disputar as semifinais, que ainda serão sorteadas e datadas, o Tottenham tem pela frente a sequência da Premier League. No próximo domingo (19) o adversário será o Southampton em White Hart Lane.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)