UEL – Tottenham 2×2 Gent

O Tottenham recebeu o Gent nesta quinta-feira (23), pela fase 16 avos de final da Liga Europa e fez aquilo em que é especialista: frustrou sua enorme torcida. Cometendo falhas graves individuais e mesmo mostrando disposição, não saiu de um 2 a 2 contra o time belga, sendo que precisava vencer por 2 gols de diferença para seguir no torneio. Eriksen e Wanyama anotaram os gols lilywhites, enquanto um gol contra de Kane e um de Perbet – que pode ser merecidamente atribuído a 3 falhas ridículas de Dier no mesmo lance – sacramentaram o placar. Com o fracasso, os Spurs tem apenas a Copa da Inglaterra e a Premier League para disputar no restante da temporada.

Necessitando da vitória, Pochettino escalou o Tottenham com o retorno dos 3 zagueiros, na formação que apresentou melhores resultados na temporada. Com isso, o argentino mandou a campo um time com Lloris; Dier, Alderweireld, Vertonghen; Walker, Wanyama, Dembélé, Davies; Eriksen, Alli, Kane. Já o Gent buscava segurar o bom resultado obtido na partida de ida e foi a campo com Kalinic; Gershon, Mitrovic, Gigot; Foket, Dejaegere, Esiti, Saief; Simon, Milicevic, Coulibaly.

Os Spurs iniciaram o jogo muito bem, pressionando e buscando criar ocasiões pelas laterais. Walker era praticamente um ponta direita e causava problemas em suas investidas. Entretanto, o time falhava muito no acabamento das jogadas. Aos 10′, Dier fez lançamento longo na ponta direita, a zaga ficou indecisa e Eriksen ganhou a bola, colocou na frente e arrematou com categoria, por baixo do goleiro, abrindo o marcador. No embalo do gol, o Tottenham seguiu bem, mas não acertava no arremate.

Aos 20′, o primeiro desastre: após escanteio do Gent na área (escanteio mal assinalado pelo juiz, vale ressaltar), Harry Kane tentou cortar e foi muito mal na bola, dando uma casquinha no ângulo e marcando contra o patrimônio, igualando o marcador. Necessitando de 2 gols para se classificar, o Tottenham sentiu o golpe e diminuiu a frequência ofensiva. Mesmo assim, Walker deu trabalho para o goleiro adversário. E aos 40′, outro desastre: Dele Alli perdeu a dividida, entrou de forma grosseira em Dejaegere, com um carrinho na altura do joelho do oponente. Cartão vermelho que comprometeu muito a estratégia dos Spurs.

Mesmo com 1 a menos, o Tottenham não desistiu e voltou do intervalo buscando criar os espaços. Entretanto, era difícil penetrar na zaga do time belga, que ficou absolutamente recolhido. De tanto tentar, finalmente o gol saiu. Aos 61′, bela trama entre Walker e Dier pela direita. O dinamarquês escora bonito para Wanyama que chega batendo firme, para fazer o 2 a 1. Aí começou o show do trio de arbitragem português, muito determinado em ajudar os belgas a se classificar. Mas eles nem precisaram, porquê Dier fez o serviço sujo, entregando o segundo gol. Primeiro, saiu atrasado na linha de impedimento. Depois, tentou dominar uma bola cruzada na área e a ofereceu para Perbet arrematar. Para fechar com “chave de ouro”, o remate ainda desviou no mesmo Dier, matando Lloris.

Com o 2 a 2 e apenas 8 minutos mais acréscimos para tentar algo, o Tottenham se desesperou. E até teve chances de voltar a marcar, mas voltou a finalizar ridiculamente, destaque para Son, que isolou aos 86′ cara a cara com o goleiro. E assim encerra mais um episódio triste do Tottenham em mata-mata, com o estádio de Wembley lotado e mais um fracasso para a coleção. A equipe volta a campo no fim de semana para enfrentar o Stoke, em White Hart Lane.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)