EPL – Liverpool 2×0 Tottenham

O Tottenham foi até o Anfield Road neste sábado (11), encarar o Liverpool, e perdeu por 2 a 0. Além do placar negativo, vale ressaltar a atuação patética dos Spurs, que em momento algum pareceu ter chances de sair com um bom resultado, tendo sofrido os dois gols no início do jogo – ambos anotados por Mané – e se mostrado incapaz de reverter. Temporariamente, o Tottenham segue em segundo na Premier League, mas vê a aproximação dos rivais e pode ser superado pelo Manchester City, que joga na segunda-feira.

Sem vencer na Premier League em 2017, o Liverpool necessitava de uma guinada no torneio. E como diz o ditado, “tá em crise, chama o Tottenham”, não é mesmo? Jurgen Klopp escalou seus Reds com Mignolet; Clyne, Matip, Lucas, Milner; Henderson, Wijnaldum, Lallana; Mané, Coutinho e Firmino. Já os Spurs, vindo de bom momento, foi alinhado por Pochettino com Lloris; Walker, Alderweireld, Dier, Davies; Wanyama, Dembele, Eriksen, Son, Alli; Kane.

Desde os primeiros movimentos o Liverpool pressionou a saída de bola e tentava assim chegar ao gol. O Tottenham tinha dificuldades na saída, errando muitos passes e não levando perigo algum. Lloris teve que fazer pelo menos duas boas intervenções até que o pior aconteceu. Aos 16′, erro de Wanyama e Winjaldum lançou para Sané. O senegalês ganhou de Davies na velocidade, entrou na área e tocou com categoria na saída de Lloris para inaugurar o marcador.

Lembram do 7 a 1? Pois é, nós éramos o Brasil. Apenas 2 minutos depois, Dier é desarmado por Firmino. A bola chega até Mané, que serve Lallana. O inglês bate forte e Lloris espalma. O rebote é de Firmino, que finaliza e Lloris catava de novo. Mas três é sinal de forca. A bola se oferece para Mané bater, já sem goleiro, e marcar o segundo. A partir daí o Tottenham tenta esboçar uma reação e tem chance, quando Dier acha belo passe para Son. Entretanto, o coreano finaliza mal, em cima de Mignolet. No lance seguinte, Davies cruza e Alli cabeceia com perigo, mas Lucas salva.

A partir daí, o jogo foi morno de lado a lado, com o Liverpool sempre melhor e controlando o jogo, mesmo quando não tinha a bola. Ao Tottenham, resta entubar o péssimo resultado e a exibição pífia, para seguir adiante na competição tentando algum título e uma boa posição na liga. O time volta a campo na próxima quinta-feira, para encarar o Gent, pela Europa League.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)

  • Danilo Veroneze #GreenRunsDeep

    incrivel como nesses jogos grandes o tottenham SEMPRE amarela , enfim , o final da historia todo mundo cunhece

    • Vinícius Ferreira

      Era assim com o Villas Boas e com o Sherwood, o Pocchettino consertou um pouco isso, os resultados tão mais aleatórios contra os outros 5 grandes: um jogo é vitoria, outro é empate, outro é derrota…

  • Igor Gama

    Não gostei a atuação do Davies, ele parecia travado ¬¬’
    Dier tbm não estava muito bem, porém foi “acordando” durante o jogo….