UCL – Tottenham 3×1 CSKA Moscou

O Tottenham recebeu o CSKA Moscou, nesta quarta-feira (07) e conquistou uma boa vitória por 3 a 1, na despedida da Champions League. Após sofrer um gol de Dzagoev, os Spurs viraram com Alli, Kane e Akinfeev (contra). O triunfo levou o time do norte de Londres para a Europa League, terminando na terceira posição do grupo, com 7 pontos. Monaco e Leverkusen seguem adiante na competição. O sorteio que indicará nosso adversário no outro torneio europeu será realizado na próxima semana.

Já eliminado e tentando minimizar sua participação patética na Champions, Pochettino mandou a campo o time titular. Com a novidade de ter Alderweireld no banco, após longa ausência, Winks na vaga de Dembele foi a única mexida em relação à equipe que goleou o Swansea no último sábado. O time foi alinhado com Lloris; Walker, Dier, Vertonghen, Rose; Wanyama, Winks, Eriksen, Alli, Son; Kane. O CSKA, que precisava da vitória para alcançar a terceira posição e ir para a Europa League, foi armado por Slutski com Akinfeev; Nababkin, Alexey Berezutskyi, Vasilyi Berezutskyi, Schennikov; Natcho, Milanov, Golovin, Dzagoev, Tosic; Traoré.

Como era de se esperar, o Tottenham buscou o domínio das ações e a posse de bola desde os primeiros movimentos. Entretanto, quem marcou primeiro foram os russos. Aos 33′, Natcho lançou em profundidade para Tosic, impedido. A bandeira não se levantou e o sérvio ganhou de Vertonghen, que foi muito mal no lance. Dzagoev aproveitou muito bem o pivô, dominou e bateu de pé direito, cruzado e rasteiro, inapelável para Lloris. O gol acordou o Tottenham, que empatou 5 minutos depois. Em lance que também começou com irregularidade (Walker impedido), Eriksen achou lindo lançamento na esquerda para Alli que bateu bonito, com curva, para Akinfeev só sair na foto.

Ainda no primeiro tempo, a virada. Eriksen fez linda enfiada na ponta esquerda para Rose, que cruzou de primeira e achou Kane livre, na entrada da pequena área, para apenas cumprimentar para as redes. Na volta do intervalo o Tottenham conseguiu se consolidar na partida e criava chances para ampliar, sempre mal finalizadas. Nkoudou entrou na vaga de Son, para dar mais velocidade pelo flanco. E aos 68′, Alderweireld entrou na vaga de Wanyama, sendo intensamente aplaudido, após longa inatividade. Aos 77′, o golpe de misericórdia. Kane cruzou para Alli, que cabeceou para bela defesa de Akinfeev. No entanto, o goleiro se atrapalhou e acabou jogando a bola para as redes com o pé direito, em lance bem bizarro.

Sacramentada a boa vitória, que não ameniza em nada o vexame protagonizado na maior competição de clubes do mundo. Que o time faça agora um trabalho decente na Europa League e entre buscando a conquista, sem desprezar uma competição. No próximo domingo, os Spurs voltam a campo para encarar o Manchester United, em Old Trafford, pela Premier League.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)