EPL – Bournemouth 0 x 0 Tottenham

O Tottenham foi até o Vitality Stadium, encarar o Bournemouth para protagonizar um jogo muito amarrado e que terminou em um modorrento empate sem gols. Mesmo dominando as ações e criando algumas ocasiões, os Spurs pouco fizeram para penetrar no sistema defensivo do time da casa, que teve boas chances e só não venceu por um milagre de Lloris, ainda no primeiro tempo.

Eddie Howe mandou seu time a campo com Boruc; Smith, Francis, Cook, Daniels; Gosling, Arter, King, Wilshere, Ibe; Wilson. Por sua vez, Maurício Pochettino optou por uma formação de mais força no meio-campo, deixando o centroavante Janssen no banco e colocando Son no comando de ataque. Sendo assim, alinhou os Spurs com Lloris; Walker, Dier, Vertonghen, Rose; Wanyama, Dembele, Alli, Eriksen, Lamela; Son.

Como é de praxe, o Tottenham assumiu as rédeas do jogo, mesmo atuando fora de casa. Mas não conseguia criar boas ocasiões, rondando a área de forma pouco produtiva. A primeira grande chance do jogo foi do time da casa, quando Daniels completou cruzamento e Lloris defendeu com a perna, fazendo um milagre. A bola ainda tocou o travessão antes de sair. Sem profundidade e com os jogadores ofensivos pouco inspirados, um rompante de talento poderia resolver. Lamela quase conseguiu, arrancando e batendo de muito longe. A bola beliscou a junção entre trave e travessão, mas foi para fora.

No segundo tempo, o Tottenham teve um momento muito bom mas só conseguia finalizar de muito longe. Dele Alli protagonizou boa jogada individual, mas parou em Boruc. Precisando de mais presença, Pochettino colocou Janssen na vaga de Son, mas o holandês entrou muito mal, lembrando cada vez mais o espanhol Roberto Soldado pela sua ineficácia. Para piorar, os jogadores de defesa começaram a falhar lances bobos, criando perigo. Dembele e Dier entregaram o doce, mas Vertonghen e Rose conseguiram consertar as coisas.

Com o empate, o Tottenham chegou a 19 pontos, mesmo número dos outros líderes Manchester City e Arsenal. Entretanto, pode cair dois postos na tabela, caso Chelsea e Liverpool vençam seus embates. Seguimos com a melhor defesa do campeonato, com 4 gols sofridos em 9 partidas, e invictos. Mas essa condição de rei dos empates compromete qualquer chance de título. O próximo desafio será na terça-feira (25), em Anfield, contra o Liverpool, pela Copa da Liga.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)