Pré-Jogo: EPL – Tottenham x Manchester City

Vindo de uma importantíssima vitória ante o CSKA, na Rússia, pela Liga dos Campeões da UEFA, o vice-líder do Campeonato Inglês, Tottenham, prepara-se para receber o líder, Manchester City, em White Hart Lane. E embora a competição esteja entrando apenas em sua sétima rodada, o Tottenham joga domingo não só por aproximar-se da liderança, mas também para manter o campeonato aberto e vivo. Com uma vitória, o Manchester City abriria uma vantagem significativa na liderança, que a cada rodada fica mais difícil de ser revertida.

O Manchester City vive um momento especial na temporada. Nas dez primeiras partidas oficiais da temporada foram dez triunfos. Seis deles pelo Campeonato Inglês, o colocando no topo da tabela com 18 pontos, quatro a frente do segundo colocado Tottenham. No entanto, a equipe pode sentir a ausência do meia belga Kevin De Bruyne, seu principal destaque na temporada, lesionado. Já foi assim no último jogo, na segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, quando os Citizens empataram em 3 a 3 com o escocês Celtic.

O momento do Tottenham não fica muito atrás do Manchester City. Ainda invicto no Campeonato Inglês, com quatro vitórias e dois empates nas seis primeiras partidas, os Spurs parecem ter reencontrado o bom futebol que encantou os fãs da Premier League na última temporada. Após fracas atuações no começo da temporada, o Tottenham já coleciona cinco vitórias nas últimas seis partidas, sendo quatro delas sem sofrer gols. E nestas seis partidas, o Tottenham teve posse de bola maior que 60%, mostrando domínio das ações e controle da partida. Só que contra o Manchester City este cenário não deve repetir-se; vejamos como a equipe lillywhite portar-se-á no embate.

Com uma lesão no tornozelo que deve afastá-lo dos gramados até o mês de novembro, o atacante Harry Kane é o único desfalque certo do Tottenham para a partida. Moussa Sissoko, com uma concussão, é dúvida. Eric Dier, Mousa Dembélé e Danny Rose, todos voltando de lesões musculares na coxa, tem presença provável no confronto. Um exame definitivo a ser realizado horas antes do jogo deve ditar a escalação ou não dos atletas.

Do lado do Manchester City, os desfalques são mais numerosos e pesados. O zagueiro Vincent Kompany, com lesão na virilha, o meia Kevin De Bruyne, com lesão na coxa, e o meia Fabian Delph, com lesão na virilha, são desfalques certos para o embate. O ponta Nolito, cumprindo o segundo de três jogos de suspensão, é outro que não joga contra o Tottenham. Já Yaya Touré, em litígio com Pep Guardiola, não vem sendo relacionado para os jogos e a situação deve continuar assim por tempo indeterminado.

Tottenham: Lloris; Walker, Alderweireld, Vertonghen, Rose; Dier, Dembélé (Wanyama); Lamela, Alli, Eriksen (Janssen); Son. T: Maurício Pochettino
Manchester City: Bravo; Sagna, Stones, Otamendi, Kolarov; Fernandinho; Sané, Gündogan, Silva, Sterling; Agüero. T: Pep Guardiola
Data/Hora (Brasília): Domingo, 2 de outubro, 10h15
Local: White Hart Lane, Londres, Inglaterra
Transmissão: ESPN Brasil

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Fábio Malet

Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e analista de sistemas. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby, e, pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha o Tottenham desde o começo da temporada 2002-03, por causa de Robbie Keane, do qual tornou-se fã pelo seu desempenho na Copa do Mundo 2002. No Brasil, torce para o Grêmio desde suas primeiras palavras.