EPL – Stoke 0x4 Tottenham

O Tottenham viajou até Stoke-on-Trent para encarar o Stoke City, e finalmente estreou na temporada. A goleada por 4 a 0, em partida válida pela 4ª rodada da Premier League, lembrou muito o time que encantou o mundo na última época. Com dois gols de Son, um de Alli e um de Kane, o triunfo foi construído sem grande sofrimento e o time ainda pôde se poupar na etapa complementar, preparando-se para a estreia na Champions League, no meio de semana.

Mark Hughes, contando com os desfalques de Butland, Johnson, Ireland, Shaqiri, Afellay e Diouf, alinhou o time da casa com Given; Cameron, Shawcross, Martins Indi, Pieters; Whelan, Imbula, Allen, Walters, Arnautovic; Bony. Já Maurício Pochettino fez algumas alterações na equipe, suprindo as ausências de Rose e Dembélé. Assim sendo, mandou a campo Lloris; Walker, Alderweireld, Vertonghen, Davies; Dier, Wanyama, Eriksen, Alli, Son; Kane.

O Tottenham começou a partida buscando controlar as ações, mesmo jogando fora de casa. O Stoke buscava um futebol mais direto, sem ter a posse de bola, mas apostando na agressividade, na força física e nas bolas paradas. Até chegou em algumas ocasiões, mas Lloris esteve atento. O Tottenham cresceu no jogo, teve um pênalti não marcado após toque de mão de Pieters, viu Alli perder um gol inacreditável ao finalizar mal de canhota, mas finalmente abriu o placar. Aos 41′. Eriksen foi lançado na ponta, driblou Allen e fez um cruzamento perfeito para assistir a Heung-Min Son, que chapou de pé esquerdo para abrir o placar.

No segundo tempo, o Stoke veio pra cima e conseguiu complicar as coisas. O volante Wanyama poderia ter sido expulso após cometer falta no meio-campo, já amarelado. Pochettino não tardou a sacar o queniano do jogo e a mexida ofensiva deu frutos rapidamente. Em belo contragolpe, aos 55′, Eriksen serviu novamente ao coreano Son, que acertou belíssimo chute de pé direito na gaveta de Given, que nada pôde fazer. Três minutos depois, Eriksen e Lamela puxaram bom contra-ataque. O argentino confiou no porte físico do lateral Walker, que atravessou o campo em pique impressionante e rolou, com açúcar e afeto, para Dele Alli bater firme, fazendo 3 a 0.

Os Spurs fecharam a conta e passaram a régua aos 70′, quando Son aparou o cruzamento na esquerda e mandou firme na área, achando Harry Kane. O furacão dominou, quase em cima da linha, e estufou as redes de pé canhoto para marcar seu primeiro gol na temporada. Ainda houve tempo para a estreia de Moussa Sissoko e a entrada de Janssen, mas o placar se manteve. Com o triunfo, o Tottenham ocupa a 4ª posição na tabela, com 8 pontos ganhos em 4 partidas. Na próxima quarta-feira, a equipe encara o Monaco, em Wembley, pela Champions League.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)