EPL – Tottenham 3×0 Manchester United

O Tottenham recebeu o Manchester United nesta tarde de domingo (10) e passou por cima do maior campeão da história da liga inglesa. A contundente vitória por 3 a 0 foi construída no segundo tempo, com gols de Alli, Alderweireld e Lamela. O triunfo deixa os Spurs cada vez mais consolidados na segunda posição da Premier League, com 65 pontos, e dá fôlego na perseguição ao líder Leicester, 7 pontos acima na classificação.

Contando com o retorno de Jan Vertonghen, fora do time desde janeiro, Maurício Pochettino promoveu o retorno do belga na vaga de Wimmer. Lamela, também recuperado de lesão, tomou a posição de Son e o time da casa foi a campo com Lloris; Walker, Alderweireld, Vertonghen, Rose; Dier, Dembélé, Alli, Eriksen, Lamela; Kane. Louis Van Gaal escalou seus Red Devils com De Gea; Fosu-Mensah, Smalling, Blind, Rojo; Carrick, Schneiderlin, Mata, Lingard, Martial; Rashford.

Contrariando a lógica imaginada, quem começou dominando as ações foi o time visitante. O Tottenham demorou a se encontrar no jogo e passava aperto com as estocadas do United. Mas chances claras não existiam de lado a lado, tanto que, na primeira etapa, não tivemos nenhuma finalização certa. As poucas bolas direcionadas ao gol pararam na marcação ou foram na torcida. Os Spurs melhoraram no jogo e tiveram as duas melhores ocasiões, uma em que Eriksen deixou Lamela na cara do gol, mas o argentino tirou demais e cabeceou pra fora e, logo depois, Walker fez bela jogada individual mas foi travado por Mensah.

Lá vem eles de novo, virou passeio! (Foto: Tom Jenkins for the Guardian)
Lá vem eles de novo, virou passeio! (Foto: Tom Jenkins for the Guardian)

Na volta do intervalo, os Spurs cresceram muito de rendimento e o gol parecia questão de tempo. Pelos Red Devils, a grande jogada veio dos pés de Martial, que passou por Walker, Dier e Alderweireld, mas finalizou no meio do gol e Lloris fez ótima intervenção. O primeiro gol do jogo veio aos 70′. Lamela e Kane brigaram pela bola e o camisa 10 achou Eriksen livre pela esquerda. O dinamarquês viu bem a entrada de Alli e serviu na medida para a sensação do futebol inglês abrir o marcador. Quatro minutos depois, Lamela cobrou falta na cabeça de Alderweireld que em uma cabeçada perfeita, no canto, fez 2 a 0.

Não deu nem tempo de respirar. Já aos 76′, Eriksen tocou de cabeça para a boa passagem de Rose. O lateral cruzou rasteiro e Lamela pegou de chapa, no contrapé de De Gea, encerrando o marcador em 3 a 0. Ainda houve tempo para Walker e Memphis trocarem gentileza na beira do campo e para De Gea fazer mais duas boas defesas. E ficou nisso. Com o excelente triunfo, o Tottenham terá uma semana para descansar até a próxima partida, na segunda-feira (18), contra o Stoke. O Leicester, concorrente ao título, joga no domingo, contra o West Ham.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)