Visitando os 92: 4 – Emirates Stadium, Arsenal

Uma breve história – O Arsenal foi fundado em 1886 por funcionários de uma fábrica de armamentos no sudeste de Londres, no bairro de Woolwich, com o nome de Dial Square FC – meses depois, mudado para o mais pomposo Royal Arsenal. Profissionalizou-se em 1891 e enfrentou objeção da London Football Association (o futebol em Londres ainda era dominado pela classe alta e universidades).

Como a Southern League foi criada somente em 1894, passou o ano seguinte disputando amistosos contra clubes ingleses e escoceses, além da FA Cup. Foi o primeiro clube londrino e também o primeiro ao sul de Birmingham a ser admitido na Liga, em 1893. Mudou novamente de nome após a filiação: A pedido da Liga, substituiu o “Royal” do nome para Woolwich Arsenal.

Durante esse tempo, jogou em 3 campos – Sportsman Ground, Manor Ground e Invicta Ground, mas não conseguia atrair grandes públicos, particularmente pela falta de acesso a Plumstead. Mesmo assim, conseguiu o acesso a primeira divisão em 1904, permanecendo por nove temporadas, quando mudou-se para Islington, a seis quilômetros e meio de distância de White Hart Lane.

A mudança e o início da rivalidade –  A média de público do Arsenal em 1904 era de 22 mil espectadores. Cinco anos depois, a média caiu pela metade e problemas financeiros começaram a ameaçar o futuro do clube, que quase faliu em 1910 antes de ser salvo por um consórcio de empresários; entre eles, estava o maior acionista, Henry Norris, que era presidente de outro clube londrino, o Fulham.

A primeira ideia de Norris foi fundir o Arsenal com o Fulham, mas a Football League vetou o plano. Contudo a procura de um novo local continuou, até que um terreno em Highbury foi escolhido. Apesar de protestos dos moradores de Woolwich e Islington (além do clube original da área, o Tottenham), a mudança foi concluída no final da temporada 1912/13, coincidindo com a queda do clube para a segunda divisão.

Estava plantada a semente do que se tornaria o maior clássico de Londres. Essa rivalidade pegou fogo em 1919, com uma decisão pra lá de controversa e que será abordada mais para frente.

Highbury –  Originalmente idealizado por Archibald Leitch, foi inaugurado em 6 de setembro de 1913.  Foi reformado pela primeira vez na década de 30, quando ganhou a estrutura Art Deco nas arquibancadas leste e oeste e em 1989. Sediou partidas de rugby, preliminares do futebol nos Jogos Olímpicos de 1948, bem como amistosos do English Team e doze semifinais da FA Cup – numa delas, em 1981, o Tottenham venceu o Wolverhampton por 3-0.

Highbury e sua famosa fachada Art Deco.
Highbury e sua famosa fachada Art Deco.

Ao todo, o Arsenal jogou 2010 partidas em Highbury, com 60% de aproveitamento: 1196 vitórias, 475 empates e 339 derrotas.  O recorde de público foi estabelecido em 9 de março de 1935, quando empatou por 0-0 contra o Sunderland, na presença de 73295 espectadores. O último jogo oficial foi em 7 de maio de 2006, na vitória dos Gunners sobre o Wigan por 4-2.

Retrospecto do Tottenham em Highbury (Liga): 69 jogos; 17 vitórias, 18 empates e 34 derrotas.

Emirates Stadium – Com a implementação do Relatório Taylor, muitos clubes tiveram a capacidade de seus estádios reduzida. No caso do Arsenal, que recebia uma média de público de 60 mil, a capacidade foi reduzida para 38419. Apesar da vontade da diretoria, o plano para aumentar a capacidade de Highbury quase impossível – o estádio estava numa área residencial. Em 1998 e 1999, os Gunners jogaram a fase de grupos da Champions League em Wembley e fizeram uma proposta (recusada) de comprar o estádio.

Emirates Stadium, localizado a 500 metros de Highbury - foto de 2006.
Emirates Stadium, localizado a 500 metros de Highbury – foto de 2006.

Em outubro de 1999, o Arsenal optou pela mudança de estádio e comprou um terreno em Ashburton Grove. As obras tiveram início em fevereiro de 2004 e a inauguração em julho de 2006, num amistoso contra o Ajax. A capacidade do novo estádio é de 60260 pessoas. Além de casa do Arsenal, sediou oito jogos da Seleção Brasileira.

Desde 2009 o Emirates vem passando por um processo de “arsenalização”,  com a adição de monumentos e formas visuais e artísticas para dar um senso de identidade e transformar o novo estádio numa fortaleza, como Highbury.

Retrospecto do Tottenham no Emirates (Liga): 9 jogos; 1 vitória, 2 empates e 6 derrotas.

Visitando os 92 falou anteriormente de Sunderland (Stadium of Light), Swansea (Liberty Stadium) e Bournemouth (Dean Court). 

 

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

marcospassarella

Latest posts by marcospassarella (see all)