Rádio TB – Episódio 35

Mais um episódio da nossa saudosa Rádio TB: episódio 35! Desta vez, eu, Lucas Colenghi, apresentei o programa, contando com os comentários, sempre pertinentes, de Fernando Braz e Gabriel Maluf. Além da sofrida vitória sobre o Aston Villa, e da eleição de “Robson” e “Estrelo” da rodada, fizemos um pré-jogo da partida de quinta-feira, em que o Tottenham enfrenta o Asteras Tripolis, na Grécia, pela Liga Europa.

Também abordamos uma situação triste: o descaso da Fox Sports com seus assinantes, ao anunciar o jogo em sua programação, mas sem aviso nenhum, não transmitir o jogo.

Lembrando sempre que você pode participar das edições do nosso podcast utilizando #RádioTB no twitter e no facebook.

Radio TB Ep35 by Fernando Braz Dos Santos on Mixcloud

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Lucas Colenghi

Mineiro de Uberaba, no Triângulo Mineiro, graduando em Licenciatura em Letras com Habilitação em Português e Inglês. Tenho 21 anos e as duas coisas que eu mais odeio no mundo são: 1- acordar cedo; 2- escanteio curto. Gostar de futebol é legal até você resolver torcer para um time: com o Tottenham não é diferente.

Latest posts by Lucas Colenghi (see all)

  • Pingback: Aston Villa 1×2 Tottenham | Tottenham Brasil()

  • Thiago

    Concordo que o Vertonghen não esteja jogando bem PORÉM é atualmente nosso melhor zagueiro, concordo que talvez ele esteja com corpo mole.
    E pra mim sem o Vertonghen a zaga ideal seria o Dier e o Fazio, Kaboul já está decaindo a várias temporadas, Vlad é muito afobado mas tem potencial. E nossas laterais, não entendo o motivo de manter o Rose, o futebol inglês não tem limite de estrangeiros titulares como outros paises, então não vejo por que não colocam o Davies que é mais completo, enfim.
    E o ataque, acho que Soldado e Kane seria mais interessante.

    Tirando o Mason e o Kane ninguém lá demonstra garra e vontade e fica dificil um time jogar bem sendo que não parecem querer ganhar.