Tottenham 3×1 Fulham

Tottenham e Fulham foram ao gramado de White Hart Lane nesse domingo (19) para um clássico londrino válido pela 35ª rodada da Premier League. Se os Spurs não tem grandes ambições no restante da temporada, possuindo remotas chances de classificação à Liga dos Campeões, os Cottagers lutam desesperadamente contra o rebaixamento, cada vez mais iminente. Aproveitando bem as chances de bola parada o time da casa venceu por 3×1, com gols marcados por Paulinho, Kane e Kaboul. Sidwell marcou o gol dos visitantes, que ainda perderam um pênalti no segundo tempo, cobrado pelo próprio Sidwell e defendido por Lloris.

Tim Sherwood, comandante dos Yids, parece contar os dias para seu desligamento do clube. Sua saída não é oficializada por ninguém, mas o treinador não parece fazer parte do planejamento para a próxima temporada. De todo modo, escalou o Tottenham com Lloris; Naughton, Kaboul, Fryers, Rose; Paulinho, Chadli, Lennon, Eriksen; Kane, Adebayor. Felix Magath escalou seu Fulham com Stockdale; Heitinga, Hangeland, Amorebieta, Riise; Kvist, Parker, Sidwell, Kacaniklic, Dejagah; Rodallega.

Foto: Reprodução/eurosport

A partida iniciou muito embolada e o Tottenham não mostrava criatividade para superar o adversário. Oportunidade de gol só com Kaboul em cabeçada por cima do gol. Bate-rebate do outro lado e Rodallega quase marcou, mas Lloris saiu bem para abafar a finalização e jogar para escanteio. O primeiro gol do jogo foi dos Spurs. Lennon sofreu falta pelo lado direito e Eriksen cobrou fechado para o brasileiro Paulinho completar para as redes quase sobre a linha de gol. Na saída de bola, os Cottagers empataram com Sidwell, que ganhou de Paulinho, “tabelou” com Fryers e finalizou na saída de Lloris, decretando o placar do primeiro tempo.

Na etapa complementar, o time da casa veio mais motivado em alcançar a vitória e logo com 3 minutos voltou à frente. Cruzamento de Lennon para cabeçada certeira de Kane e 2×1 no marcador. Aos 62′, o golpe de misericórdia. Nova cobrança de falta certeira de Eriksen e o zagueirão Kaboul completou de joelho para sacramentar o marcador. Ainda houve tempo para Eriksen cometer pênalti, que Sidwell bateu e Lloris defendeu. O goleiro francês ainda realizou duas excelentes intervenções para assegurar a vitória dos Yids.

Com o resultado o Tottenham chega a 63 pontos e se mantém na 6ª colocação, mas pode ser ultrapassado caso o Manchester United vença os dois jogos a menos que tem na tabela. Ainda com parcas chances de classificação para a Champions League, a equipe volta a campo no próximo sábado (26), onde enfrenta o Stoke City, no Britannia Stadium.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.

Emerson Araujo

Jornalista, aficionado por futebol, torcedor do Cruzeiro (de nascença) e do Tottenham (desde 2005). Orgulhosamente, um dos fundadores da Tottenham Brasil e colaborador do Guerreiro dos Gramados, site voltado a cruzeirenses. Odeia Guardiolismos e acredita que atacante tem que fazer gol. Acredita que todo dia é um 7 a 1 diferente e não há nada de mau nisso. Exímio treinador no Football Manager.

Latest posts by Emerson Araujo (see all)

  • Adriel

    Torcendo para Louis van Gaal chegar e mudar logo, quase tudo nesse modo de jogarmos.