Tottenham 3×1 Dnipro

Com dois gols de Adebayor, o Tottenham conseguiu reverter o resultado negativo (Foto: Reprodução)

Em uma virada incrível, o Tottenham venceu o Dnipro por 3 a 1 e avançou às oitavas-de-finais da Europa League. A equipe chegou a precisar de três gols para conseguir a classificação, e conseguiu marcar com Eriksen e Adebayor (duas vezes).

Jogando em White Hart Lane e com desvantagem no resultado agregado por ter perdido por 1 a 0 na Ucrânia, o time de Tim Sherwood pouco conseguiu jogar no primeiro tempo. Raras chances foram criadas. Dentre elas, um chute de Eriksen que foi desviado, após bela ajeitada de Adebayor para o dinamarquês.

Com o fim da primeira etapa, o Tottenham tinha então mais 45 minutos para reverter o resultado. E a tarefa ficou ainda mais complicada logo aos dois minutos da segunda parte, quando Ruslan Rotan cobrou falta e Zozulya cabeceou para marcar para o time visitante. Com o gol sofrido, os Spurs precisavam de três gols para conseguir avançar à próxima fase. Parecia quase impossível, mas Eriksen deu uma dose de esperança aos torcedores, empatando o jogo com um belo gol de falta, com 55 minutos de jogo. E Zozulya tornou a missão ainda mais fácil, quando foi expulso aos 61 minutos, após dar uma cabeçada em Vertonghen.

Com um a mais, o Tottengam conseguiu virar o jogo e ampliar o marcador em poucos minutos, com gols de Adebayor. O empate veio após um lançamento de Eriksen, que foi desviado para as redes pelo togolês. Já na virada, o atacante precisou de dois toques na bola: dominou no peito e chutou na saída do goleiro, para explodir a esperançosa torcida em White Hart Lane.

Mesmo com um a menos, os visitantes ainda assustaram, mas Lloris estava em um ótimo dia e evitou o segundo gol do Dnipro em cobrança de falta de Konoplyanka, nos acréscimos.

O adversário nas oitavas-de-final da competição é o Benfica. Os jogos ocorrerão nos dias 13 e 20 de março. Pela Premier League, o próximo desafio é no domingo (02) contra o Crystal Palace, novamente em White Hart Lane.

 

Tottenham: Lloris, Vertonghen, Dawson, Fryers, Naughton, Dembélé, Townsend (Lennon), Sandro (Bentaleb), Eriksen, Soldado (Kane), Adebayor.

FC Dnipro: Boyko, Mazuch, Strinic, Fedetskiy (Kulakov), Cheberyachko, Konoplyanka, Giuliano, Rotan, Kankava (Seleznyov), Matheus, Zozulya.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePrint this pagePin on Pinterest
The following two tabs change content below.
Made in Bahia, mais especificamente na Região do Sisal. Nordestino com orgulho. Licenciado em Letras com Habilitação em Língua Inglesa e Literaturas. Mestrando em Crítica Cultural. Professor de escola pública que, além de ensinar inglês, doutrina seus alunos, dizendo que não existe nada melhor que futebol - a não ser quando o Tottenham perde. Na equipe Tottenham Brasil desde 2011, escrevendo e soltando o sotaque na apresentação da Rádio TB.

Latest posts by Amarilson Gordiano (see all)

  • Vinícius

    Assisti só o 2º tempo e tive um belo presente de aniversário